Gestão e Coordenação de Projetos

Uma das mais relevantes áreas de intervenção no seio de um projecto que envolva a realização de trabalhos arqueológicos é a correcta articulação entre os diferentes intervenientes. Donos de obra, projectistas, empreiteiros, equipas de fiscalização, conservadores-restauradores, arqueólogos e as entidades tutelares do Património (que em muitos casos determinam a realização de projectos), devem ver os seus interesses alinhados, evitando sempre que se afectem desnecessariamente elementos patrimoniais ou ritmos de execução de obras.

A ERA tem vindo a desenvolver estratégias de actuação consistentes, assumindo-se como coordenadora para a área do património no âmbito da implementação de grandes obras, sendo ou não ela própria a executante dos trabalhos de arqueologia.

Uma eficaz gestão e coordenação de projectos assegura um alto rendimento de todos os recursos humanos e financeiros envolvidos, garantindo a satisfação dos nossos clientes.